Arquivo da Categoria projeto

Movimento Pode Desabafar!

14 de janeiro de 2016
Sabe aqueles dias em que a gente só quer sair correndo gritando? Ou que queremos jogar tudo o que sentimos pra fora, mas temos medo da opinião alheia? Bom, trouxe aqui uma solução, uma vez que isso sempre acontece comigo. Que solução é essa? O movimento Pode Desafabar! “Ok, martinha, legal e tal, mas como funciona isso?” Bom, você nos manda um e-mail desabafando, e nós te respondemos. “Ah, legal, mas quem são vocês?” Poxa, me desculpa por não ter dito antes. O movimento é formado por 5 blogueiras (eu, Vanessa, Camila, Samara e Nicole) e antes que você pergunte, você é quem escolhe como podemos te responder: vídeo, post no blog, fanpage ou pelo próprio e-mail mesmo. O que importa é que a gente te ajude!  
A nossa intenção é ajudar aqueles que precisam de uma palavra amiga, um conselho ou uma ajuda rápida. Sabemos o quão difícil é confiar nas pessoas hoje em dia, ou melhor, o quão difícil é reconhecer que temos problemas e desabafar com alguém. Sempre queremos ser fortes, não é? Mas extravasar não te faz fraco, não esqueça disso nunca. Se você precisa conversar com alguém, converse. Isso vai te ajudar.  
Mas, qual o email? É esse: pdresponde@gmail.com 
E qual de vocês irá me responder? Qualquer uma. Será um sorteio.  
Eu preciso me identificar? Não. Isso fica a seu critério.  
Posso divulgar o projeto pra outras pessoas? Com certeza!  
Por fim, é isso. Qualquer dúvida, podem comentar aqui ou mandar um e-mail. Esperamos que vocês participem do projeto e lembrem da gente quando precisarem desabafar. Estamos aqui pra isso! Ah, não esqueçam: se cada um plantar um pouquinho de amor todos os dias, colheremos um mundo mais amoroso no futuro. Plantem amor! Um beijo. 

Martinha Barreto. 19 anos. Estudante de Engenharia Civil. Técnica em Edificações. Sonhadora. Apaixonada por MPB. Flamenguista doente. Viciada em livros. Escreve desde os 12 anos. Um pouco dramática. Um pouco exagerada. Meio Julieta. Meio Helena. Meio Marília. Meio Capitu. Inteiramente palavras.